Arena da Amazônia tem inauguração adiada, diz governador

Omar Aziz afirmou nesta segunda-feira que estádio ainda não está concluído e, por isso, não haverá a festividade prevista para esta semana

iG São Paulo |

Divulgação
Vista externa da Arena da Amazônia em janeiro de 2014

A inauguração da Arena da Amazônia, em Manaus, prevista para esta sexta-feira, foi adiada. Segundo Omar Aziz, governador do Amazonas, o local ainda não está apto para receber público já que as obras ainda estão em andamento - 97% delas estão concluídas.

Comente esta notícia com outros torcedores

A intenção do governo local era aproveitar a passagem da presidenta Dilma Rousseff por Manaus, para inaugurar um projeto habitacional na cidade, para fazer a solenidade oficial de abertura do estádio, que receberá quatro jogos da Copa do Mundo de 2014.

"Recebi uma ligação da assessoria da presidente dizendo que ela está disponível para vir a Manaus. Se ela quiser vir só para o Viver Melhor (projeto habitacional), está bom. Só vamos entregar a obra quando ela estiver 100% pronta. Não há condições de entregá-la do jeito que está. Todo esforço foi feito e nós perderíamos, porque a própria imprensa diria que tem coisas inacabadas. Já passamos por tantas coisas, vidas foram perdidas, não adianta pressa agora", afirmou Aziz nesta segunda-feira.

Leia também: Ausência de laboratório antidoping na Copa não afetará testes, diz Wada

O adiamento da inauguração acontece três dias depois de Antônio José Pita Martins, de 55 anos, morrer após ser atingido na cabeça pela peça de um guindaste. Ele foi a quarta vítima fatal entre os operários que trabalham no local, a terceira por acidente de trabalho.

Leia tudo sobre: arena da amazoniamanauscopa 2014

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG