"Precisamos de homens de verdade, não de figurinhas da Panini", diz De Rossi

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Declaração do volante da Itália após derrota que decretou a eliminação na Copa tem como alvo o atacante Balotelli

Getty Images
Daniele De Rossi, volante da Itália

Lesionado na panturrilha, o volante Daniele De Rossi não entrou em campo na derrota para o Uruguai nesta terça-feira que decretou a eliminação da Itália da Copa do Mundo. Mas isso não o impediu de demonstrar toda a insatisfação que sentiu com a queda preococe da equipe na competição. Um alvo no meio de toda essa revolta ficou claro: o atacante Mario Balotelli.

Veja a tabela de jogos da Copa do Mundo

Ao analisar as questões pelas quais a Itália se despediu da Copa do Mundo na primeira fase pela segunda vez consecutiva, De Rossi começou dizendo que o calor e o árbitro foram fatores que atrapalharam na partida contra o Uruguai. Mas admitiu que ele e seus companheiros não deveriam se apegar a essas coisas. A bronca veio logo em seguida.

Confira imagens da derrota da Itália para a Costa Rica:

Uruguaios comemoram gol junto com a torcida que foi à Arena das Dunas, em Natal. Foto: Getty ImagesGol de Godin leva o Uruguai para as oitavas da Copa do Mundo. Foto: Getty ImagesGodin comemora gol do Uruguai sobre a Itália. Foto: Getty ImagesGodin aproveita escanteio e marca o gol da vitória do Uruguai. Foto: Getty ImagesApós levar mordida de Suárez, Chiellini mostra a marca dos dentes do uruguaio. Foto: Getty ImagesSuárez e Chiellini se envolveram em confusão no segundo tempo. Foto: Getty ImagesCavani reclama de pênalti de Bonucci no segundo tempo. Foto: Getty ImagesBuffon defende chute rasteiro de Suárez e impede gol do Uruguai. Foto: Getty ImagesVeterano goleiro Buffon afasta bola da área da Itália. Foto: ReutersBalotelli tenta domínio da bola diante de Cáceres. Foto: APSuárez domina a bola com categoria e é cercado por Barzagli. Foto: Getty ImagesImmobile divide bola com o zagueiro Godin dentro da área. Foto: Getty ImagesPirlo é derrubado por Cristian Rodriguez no duelo decisivo entre Itália e Uruguai. Foto: Getty ImagesBalotelli arranca com a bola e é marcado por Cristian Rodriguez e Arevalo Rios. Foto: Getty ImagesItalianos pintam o rosto e usam peruca para torcer para a sua seleção em Natal. Foto: Getty ImagesFanny Neguesha, namorada de Mario Balotelli. Foto: Getty ImagesAlena Seredova, mulher do goleiro Buffon. Foto: Getty ImagesAnimados, torcedores uruguaios levam faixa para a arquibancada. Foto: Getty ImagesItalianos ocupam as arquibancadas da Arena das Dunas, em Natal, para o jogo decisivo diante do Uruguai. Foto: Getty ImagesTorcedoras do Uruguai pintam o rosto para acompanhar a partida contra a Itália. Foto: Getty Images

Leia também: Após eliminação, Prandelli anuncia demissão do cargo de técnico da Itália

"Temos de esquecer tudo isso rapidamente. Na verdade, eu retiro tudo o que disse. Devemos lembrar de tudo o que deu errado e começar de novo com homens de verdade. Precisamos de homens de verdade, não de figurinhas da Panini ou de personagens. Esses aí não têm utilidade alguma para a seleção nacional", declarou De Rossi.

Veja ainda: Buffon admite "fracasso", mas pede mais respeito aos italianos "velhos demais"

A referência a Balotelli é evidente. Após a vitória sobre a Inglaterra na estreia, o atacante postou uma foto na qual completou a página da Itália no álbum de figurinhas da Copa do Mundo, comercializado pela Panini, apenas com cromos dele.

E mais: Chiellini chama Suárez de "covarde" e desafia Fifa a usar o vídeo para puni-lo

Vale lembrar que Balotelli foi substituído do jogo contra o Uruguai ainda no intervalo. Após a partida, o atacante foi o único atleta do grupo a não aguardar nos vestiários pelo técnico Cesare Prandelli, que anunciou o pedido de demissão na entrevista coletiva. Ao invés disso, foi sozinho para o ônibus da seleção. 

Leia tudo sobre: ItáliaCopa 2014De RossiBalotelli

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas